17/06/2016

Resenha: As Regras do jogo - Marjorie Barth




Marjorie Barth
 
 
A primeira reação quando terminei foi:

“QUE LOUCURA”

 

Bem vamos conhecer um pouco mais dessa loucura que são Ana e Robert em um jogo de interesses e sedução.

Ana é uma garota inteligente e compulsiva em determinados momentos, mesmo sendo um pouco inocente podemos dizer assim, e recém chegada na capital com uma oportunidade de trabalhar com um grupo de químicos num projeto que possivelmente ajudaria no combate à cura do câncer.

Robert é um homem arrogante e sedutor onde tudo tem que ser do seu jeito, herdeiro e líder farmacêutico da empresa da família Pipermen.

O que esses dois tem em comum? Interesses onde ambos irão fazer o que for necessário para conseguirem o que querem.

Quando Ana e suas companheiras de trabalho conseguem um horário com o Sr. Pipermen para apresentarem o projeto que pode ser revolucionário para a doença, infelizmente acontecem alguns imprevistos e elas chegam atrasadas impossibilitando esse reunião importante. Então diante dessa situação eis que Ana toma a atitude de mudar isso entrando na sala e na vida de Robert como um furação, determinada e nervosa.

Como Ana é bastante insistente em relação a esse trabalho, Robert faz uma proposta onde ele concederá a ajuda necessária para esse projeto com uma condição: ELA SER DELE POR UM MÊS.

Acreditem, ela tentou não ceder aos caprichos dele, mas por fim Robert venceu essa rodada. Como ele mesmo disse:

“O jogo começou e esta rodada eu estava ganhando!”

Convencido não? Sim e muito por sinal (rs), Robert é aquele tipo de homem que pensa “eu sou o rei e posso tudo”. Lindo, misterioso, rico...é...acho que podemos dar um desconto...rsrs.

Ana me despertou tantas reações e confusões ao mesmo tempo, que até fiquei surpreendida. As atitudes e reações que ela tem em determinados momentos e com certas pessoas (no caso duas) que não é Robert (E vocês vão ler para descobrir ate porque não é difícil de descobrir) me fez dizer: Serio? É isso mesmo? Para com essa loucura mulher... e isso aconteceu várias vezes só pra terem uma ideia.

Mas o que me surpreendeu e achei inesperado foi o desfecho, que eu particularmente ate desconfiava que fosse acontecer alguma coisa, mas não imaginei que seria como ocorrido. Fiquei em transe por um tempo tentando assimilar e saí a procura da autora pra perguntar: Me diz que vai ter continuação, não pode acabar assim...e ela me consolou dizendo que sim queridos leitores, iremos ter mais um pouco desse casal e descobrir como irão se resolver os acontecimentos inesperados.

 A autora soube como levar o leitor a ir sempre adiante através das páginas, na curiosidade de querer saber mais e mais do que  aconteceria a seguir.

Um jogo onde entraram para conseguirem seus objetivos, mas às vezes o inesperado é inesperado e vão descobrir e entender que as regras do jogo mudam.

Convido você leitor a entrar nesse jogo e conhecer esse casal envolvente.

 



Você pode encontrar na amazon: As Regras do jogo

 

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário