29/05/2017

Resenha: Minha Doce Salvação - Vivy Keury


Olá, amores!
Hoje tem resenha do livro Minha Doce Salvação (2º Livro da Duologia Minha Doce).
Preparados para descobrir um pouquinho sobre o final dessa história? 
Garanto que emoções não vão faltar.


Sinopse:
Cumprida a missão, Jhennifer decide viver sua vida, mas praticamente nada do seu terrível passado fora totalmente resolvido. As pessoas responsáveis pelo seu atentado e da princesa Eliza, irmã de Lorenzo e Alexsander, ainda não foram identificadas para pagarem pelos seus atos grotescos. Mesmo assim, ela tenta seguir sua vida, só que agora, grávida.
Alexsander segue sua vida, mesmo depois de terminar o namoro com sua doce Angélica. Ela por sua vez, também continua a trilhar seu próprio caminho, mesmo estando com seu coração ferido, mas está convicta de que terá seu amor novamente, nem que para isso ela tenha que mudar por completo.
Tanto um, quanto o outro, precisam aprender muito sobre o amor e também amadurecer bastante. Eles receberão ajuda para perdurarem este sentimento tão vivo e ardente.
Jhennifer ficará frente a frente com o passado. Será ela capaz de suportar a verdadeira história do que realmente acontecera no acidente que dera fim a vida de seus pais?
Diante desta descoberta dolorosa, um pedido de perdão lhe será feito, mas conseguirá perdoar?
Angélica terá um desafio a cumprir em sua vida, tomando a decisão de escondê-lo de todos, atitude essa, que lhe trará dias nada bons e que o peso da culpa cairá sobre seus ombros, deixando-a fraca e desestruturada.
Muitos mistérios serão finalmente desvendados, lágrimas derramadas e descobertas inesperadas virão à tona. Entre nesta história e desvende comigo o verdadeiro significado de Minha Doce Salvação.
História não recomendada para (-18).
 Disponível pra você na Amazon: Clique Aqui.
 Resenha do 1º Livro (Minha Doce Proteção): Aqui.





Resenha




Vamos lá!
Minha Doce Salvação é o livro que conclui o romance de estréia da autora Vivy Keury.
Posso dizer que autora zerou a vida com esse segundo livro! A história ficou instigante e cheia de novas emoções.
Lorenzo e Jhennifer, estão felizes e empolgados com a chegada do bebê.
O bombeiro mais sexy de todos os tempos faz de tudo para agradar sua mulher  ( eu cai de amores por ele mais uma vez!) . Porém, a vida nem sempre é maré baixa e Lorenzo vai passar por algumas provações no decorrer da história.

” Não estou indo para casa, pois lá tudo iria me lembrar dela e isso seria o estopim para mim. O perfume dela esta impregnado em cada canto daquela casa e não, definitivamente, não suportaria entrar lá, sentir seu cheiro e não tê-la ao meu lado.”

Jhennifer, por sua vez terá que lidar com o passado novamente. A jornada não vai ser fácil, mas vale a pena lutar para ter a vida que sempre sonhou ao lado de Lorenzo, mesmo que para isso sacrifícios precisem acontecer.

“ Envolta de seu abraço fortes pude sentir - me viva outra vez. As dores que preenchiam meu corpo e mente pareciam ter evaporado e eu só queria uma coisa: Viver intensamente ao seu lado e amá-lo na mesma proporção da qual eu tinha conhecimento que ele me amava”

Já Alexsander e Angélica, vivem um impasse na vida amorosa. Que eles se amam a gente sabe, mas por conta dos erros, a confiança não se faz presente.

“ Eu não posso, simplesmente, ir atrás dela e querê-la de volta para mim...” 

Angélica é a que mais sofre na história (no meu ponto de vista). Além de conviver com a saudade do homem que ama e com o arrependimento das escolhas que fez, ainda tem que aguentar alguns percalços.

“ A raiva que vejo transbordar por seu olhar me faz ficar ainda mais amedrontada pois pelo que me demonstra, percebo que sua vontade é de me matar” 

Alexsander ( nosso anjo safado/lindo/gostoso) volta se sentindo diferente e com um único objetivo: Reconquistar a mulher da sua vida.

“Resolvo pensar no que farei para reivindicar a minha doce Angélica de volta e tê-la por inteiro em meus braços”

A autora dá voz a personagens secundários que são cruciais para que o enredo se finalize com perfeição.
Os personagens são muito bem descritos – o que não é surpresa já que Vivy fez um ótimo trabalho no primeiro livro – a leitura é de fácil entendimento e flui muito bem. De bônus temos algumas cenas hot.... Hmmm!
Em algumas partes da história eu tive que prender a respiração para conter a ansiedade. Quando eu pensava... Agora vai! 
Alguma coisa acontecia.
Mas como se diz: Você só percebe que o livro é bom, quando sofre junto. E olha, eu sofri. Hein!
Minha doce salvação, é uma história que fala sobre superação, fé, recomeço, perdão e a cima de tudo, a história prega a verdadeira amizade.
Amizade de alma e coração. 
Amor, palavra que se encaixa em vários contextos. E que na Duologia Minha Doce, foi mostrada da maneira mais pura e encantadora.... Através da amizade.
E é com uma frase linda, que demonstra justamente o poder de ter pessoas que se importam por perto, que eu finalizo a minha resenha.

“ ... Um abraço que só nos reafirmava o quanto éramos amigas muito mais que verdadeiras tínhamos um laço inquebrável. Inimaginável. Inigualável.
O que o destino sela, se torna muito mais que infinito."

Pra quem adora uma história que traz bons aprendizados, eu com certeza indico a duologia, Minha Doce.

É isso.
Espero que tenham gostado.
Até a próxima!


2 comentários:

  1. Ain, Jesus! Tô segurando as lágrimas, juro! Pri, que lindo ler essa sua resenha encahtadora . Me sinto extremamente lisonjeada com suas palavras e por tê-la tido como leitora da minha Duologia. Muito obrigada. Fico muito feliz por ter gostado. Eu amei essa resenha. Sem palavras. Obrigada! ❤❤❤❤

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahhhhh..Viiii,você que é incrível e faz isso com os leitores.

      Excluir